Domingo, 05 de Dezembro de 2021
31°

Nuvens esparsas

Cuiabá - MT

Economia EMPREENDEDORISMO

Mulheres vão à luta para se tornam empresárias

Em Mato Grosso existem 161.238 donas de negócios, elas representam 31% do total de empresas no Estado

19/11/2021 às 14h26 Atualizada em 19/11/2021 às 15h03
Por: SIGAMT Fonte: Assessoria de Imprensa Sebrae MT – Rita Comini
Compartilhe:
Assessoria
Assessoria

Em Mato Grosso as mulheres donas de negócios somam 161,238 mil, o que representa 2% do total do país. Na comparação com os homens donos de empresas no Estado, elas representam 31%. A grande maioria (46%) atua no setor de serviços, 29% empreendem no comércio, 13% na agropecuária, 12% da indústria e apenas 0,5% na construção.

Estes e outros dados estão na pesquisa do Sebrae Empreendedorismo Feminino no Brasil (2021), cujas dados se referem ao 3° trimestre de 2020.

Em todo o País 25,6 milhões de pessoas são donos de negócios, sendo 8,6 milhões mulheres (33,6%) e 17 milhões homens (66,4%).

A participação relativa delas cresceu até antes da pandemia, mas sofreu uma retração com a disseminação do novo coronavírus.

Hoje, 19 de novembro, é Dia do Empreendedorismo Feminino.

As mulheres empreendedoras estão em maior proporção no Sudeste (43%), sendo que São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro lideram o ranking da região com 23%, 9% e 8%, respectivamente.

Em termos regionais, o Nordeste ocupa a segunda posição com 24%, sendo que Bahia (com 494.795, 6%) e Ceará (395.897, 5%) estão na ponta.

No Centro-Oeste representam 8% e no sul se equiparam com os homens em 17%.

Na comparação com os homens empresários, as mulheres donas de negócio têm maior grau de escolaridade, 29% têm nível superior, contra 18% de homens; 39% nível médio ante 34% deles. Quanto ao ensino fundamental, representam 24%, enquanto eles atingem quase o dobro, 40%.

Em Mato Grosso, 28% das donas de negócios têm nível superior completo.

Esse é o caso de Pâmela Isla, 35 anos, casada e mãe de 2 filhos. Formada em administração de empresas, com pós-graduação em marketing, liderança e coaching, ela sempre trabalhou em grandes empresas. Quando engravidou, o trabalho numa multinacional onde viajava constantemente, se tornando inviável e ela foi demitida.

Decidiu montar um negócio e, depois de uma sociedade que não deu certo, começou a vender açaí em casa, aproveitando que mora numa região de muitos condomínios, no Jardim Imperial. O “pulo do gato” do negócio foi a inovação. Poucos meses depois de começar o negócio, criou um ovo de páscoa de açaí e no Natal, um panetone também com a fruta.

“Comecei com quase nada, fiz cursos de confeitaria e desenvolvi 14 tipos de creme que diferenciam meu produto do demais. Fui criando, testando até chegar a um bom resultado”, conta.

No início trabalhava só com delivery, mas há 4 meses montou um ponto comercial com crepes e açaí. “Os desafios do empreendedor são muitos. A gente mata 5 leões por dia”, constada brincando

A maternidade também motivou a dentista Hevelin Pimenta, 36, a escolher o caminho do empreendedorismo. Trocou o consultório, a faculdade onde lecionava e o emprego público, cujos horários eram muito engessados, pela gestão administrativa da IMG Mídia Visual, empresa de seu marido Diego Trevisan. “Empreender foi a forma que encontrei para ter mais flexibilidade, poder cuidar de mim, dos meus filhos, ter um tempo para dar atenção a minha saúde física e mental”.

Segundo ela, os maiores desafios são conciliar a vida profissional com a pessoal, o que se torna possível com uma gestão efetiva. No caso dela, destaca a parceria do marido.

Com 42 empregados, a maioria homens, teve que se posicionar para alcançar o respeito de todos. “Foi um desafio, mas já melhorou bastante”, descreve, acrescentando que passaram a contratar mais mulheres para a parte de atendimento e a produção propriamente dita. Para Hevelin, elas são mais organizadas, mais detalhistas, fazem as coisas com mais zelo, mais cuidado, além de serem mais atenciosas com os clientes e ter mais jogo de cintura.

Apaixonada pela gestão de empresas e para não deixar de lado sua formação em odontologia, em fevereiro de 2021, criou uma metodologia de ensino para ajudar os dentistas a transformar seus consultórios em empresas lucrativas e disse que se encontrou nessa nova atividade. As mentorias são online e já está atendendo a terceira turma.

 

Faixa etária

 

As mulheres empreendedoras são mais jovens, 53% têm até 44 anos. Em Mato Grosso, esse percentual é de 58%.

Caso de Jaqueline Aragão, 31, proprietária da empresa Doce Nordeste, especializada na produção e comercialização do famoso bolo de rolo pernambucano. Formada em contabilidade, a técnica em segurança do trabalho, transformou uma paixão gastronômica em negócio. Vinda de uma família com muitos integrantes atuando em gastronomia, ela resolveu matar as saudades que sentia da guloseima símbolo de Pernambuco e produzir seus próprios bolos de rolo. Assim nasceu a empresa que conquista a cada dia mais clientes.

“Este não é só um bolo, ele carrega a cultura nordestina, memórias afetivas, lembranças, não é um bolo comum, é diferenciado, produzido com muito carinho, desde o preparo até a entrega ao cliente”, descreve transbordando emoção e alegria.

Antes de iniciar a produção pesquisou muito, buscou capacitação fora de Cuiabá e ainda trabalha na criação de novos produtos à base da receita original, como o biscoito e a broa, a serem lançados ainda este ano.

As embalagens são um grande obstáculo. Segundo ela é inviável comprar aqui na Capital por causa do valor cobrado e da falta de boas opções, especialmente biodegradáveis ou recicláveis.

“Depois que trabalhei com o Sebrae, mudou muito minha visão sobre sustentabilidade e passei adotar práticas para reduzir ao máximo os impactos gerados”, ressalta.

A pesquisa traz ainda dados sobre renda, geração de emprego, horas trabalhadas, contribuição previdenciária e muito mais sobre o empreendedorismo feminino no Brasil.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Cuiabá - MT Atualizado às 11h27 - Fonte: ClimaTempo
31°
Nuvens esparsas

Mín. 25° Máx. 31°

Seg 31°C 24°C
Ter 33°C 22°C
Qua 34°C 23°C
Qui 34°C 24°C
Sex 33°C 24°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias